Buscar
  • Tati Falcão

E agora?

Confesso que, depois de tantas composições, músicas lançadas, clipes, postagens e, por último, o meu grande show de lançamento, tenho me perguntado: "e agora?"

Pois é, justamente agora que fiz um lindo e empolgante show, veio a quarentena e... aí começaram as lives...


Eu até fiz três. Mas desanimei na terceira. Não me adaptei.


Com o passar dos dias do isolamento fui percebendo que tudo o que havia feito não tinha, de fato, me realizado.


Gastei tanto dinheiro com todas as produções que fiz, tempo fazendo postagens e esperando engajamento de um público que, pensando bem (e sendo bastante sincera) não veio até mim.


É... eu, em quase dois anos de trabalho musical, não conquistei ninguém. Tá, há uns poucos que dizem: "nossa, amei sua música"... ok, mas eram em músicas pontuais e nunca chegou a ser de todo o trabalho. E esses poucos não aumentaram e sequer se empolgaram.


Apenas "amaram" em um dado momento. Talvez eu tenha supervalorizado o "amei", rs. Enfim, o que quero dizer é que já não sou jovem o suficiente para traçar uma meta e trilhar o árduo caminho que a maioria esmagadora dos músicos brasileiros trilha, até "chegar lá". E olha que muitas vezes esse "lá" nem é tão longe assim...


Já era pra eu ter "chegado lá". Se não cheguei é porque não vou a lugar algum. E, não tendo mais idade para pegar o longo caminho, resolvi parar por aqui. Vou, agora, tentar me divertir (sem expectativa) com a música. Talvez compondo mais. Quem sabe outros estilos?

É... se alguma coisa nesse isolamento social veio me beneficiar, foi o seguinte: tive tempo para pensar e entender que algo não estava indo bem no que eu estava fazendo, ou tentando fazer.


E daí que fiz um showzão? E fiz mesmo... todos amaram (nesse caso, a palavra foi bem empregada, pois foi, mesmo, um sucesso). Daí a eu continuar fazendo... até porque, convenhamos, gastei mais uma boa grana com ele. Não quero (nem posso) mais empregar um tostão no "projeto música". Tudo o que eu devia fazer, penso que fiz. Meu trabalho está pronto.


Agora, vou deixar fluir... o tempo me dirá o que posso fazer daqui pra frente.



#quarentena #eagora





0 visualização

©2019 por TATI FALCÃO. Orgulhosamente criado com Wix.com